A Time Out na sua caixa de entrada

Pôr-do-sol na Madeira
©Tiago Aguiar/UnsplashPôr-do-sol na Madeira

Cinco sítios para ver o pôr-do-sol na Madeira

O final do dia na Madeira não é de se perder. Não se esqueça da máquina fotográfica, ou simplesmente do telefone, e conheça os melhores sítios para ver o pôr-do-sol na ilha.

Escrito por
Inês Garcia
Publicidade

O momento mágico do final do dia, romântico, o cliché perfeito para fotografias. O pôr-do-sol é outro dos fenómenos da natureza imperdíveis na Madeira. No mesmo pico onde viu o nascer do sol, agora com uma luz diferente, num farol, num miradouro envidraçado altíssimo ou lado-a-lado com o Cristo Rei, de braços abertos. Com um mojito na mão, a cara-metade ou um grupo de amigos, nestes sítios junto ao mar não sai defraudado e não vai encontrar grandes multidões para lhe estragar “aquela” foto que será sucesso garantido nas redes. Depois de um dia a visitar a ilha, descubra o sítio certo para relaxar e ver o pôr-do-sol na Madeira.

Recomendado: Cinco sítios para ver o nascer do sol na Madeira

Cinco sítios para ver o pôr-do-sol na Madeira

Paúl do Mar
©Colin Watts

1. Paúl do Mar

É um dos locais mais procurados da ilha para finais de tarde cheios de boa onda, muito por culpa dos bares à beira-mar, onde se troca habitualmente a poncha pela cerveja coral ou por mojitos bem-feitos – costuma até haver boa música ambiente. Pode também ficar sentado no muro, junto à praia.

Miradouro Cristo Rei no Garajau
©Thibault Mokuenko

2. Miradouro Cristo Rei no Garajau

Construída com o intuito de receber os estrangeiros que chegavam à ilha, a estátua do Cristo Rei é um dos pontos mais visitados. Tem uma vista panorâmica sobre o Funchal. Um bom programa é ir mais cedo, ainda com muita luz, descer de teleférico até à praia do Garajau, mergulhar, e depois ver o pôr-do-sol neste miradouro.

Publicidade
Cabo Girão
©Krzysztof Sinica

3. Cabo Girão

O miradouro do Cabo Girão, com uma plataforma de vidro capaz de pôr à prova qualquer um, é um dos sítios que não pode perder numa ida à ilha da Madeira. Durante o dia pode deliciar-se com o azul do mar e o verde das montanhas, ao fim da tarde entra o pantone laranja. A entrada é gratuita e pode ver a costa leste da ilha, com vista panorâmica sob a vila piscatória de Câmara de Lobos.

Ponta do Pargo
@Dan Cook

4. Ponta do Pargo

Há quem diga que é o cenário perfeito para um filme romântico, quiçá um pedido de casamento (verdade seja dita, pôr-do-sol resulta sempre para qualquer ocasião mais especial). Tem um farol no fim da estrada e um miradouro que fica a 300 metros de altitude – durante ou após o momento de o sol se pôr, pode sentar-se a aquecer na Casa de Chá.

Publicidade
Pico do Areeiro
©Gonçalo F. Santos

5. Pico do Areeiro

O tom de laranja que ilumina os montes e vales no Pico do Areeiro, a 1818 metros de altitude, é diferente do matinal, mas igualmente lindo. Em dias bonitos, ficará acima das luzes, que ganham uma tonalidade dourada.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade