Amor em Tempos de Ódio

Filmes, Drama
Escolha dos críticos
3 /5 estrelas
Amor em Tempos de Ódio

A Time Out diz

3 /5 estrelas

Uma poderosa interpretação Belga sobre o "Romeu e Julieta" traz um amor condenado aos gangues de rua de Bruxelas moderna

A violência da cena inicial de Amor em Tempos de Ódio é uma introdução perturbadora ao que está para vir. Aquelas imagens desfocadas, filmadas por uma vedação de rede, afirmam como este é filme sem inocentes nem prisioneiros, e induzem simbolicamente como, nesta crua ficção da vida, tudo é sempre mais do que parece. Mesmo se o que parece é uma versão de Romeu e Julieta, via West Side Story.

Seria bastante mais fácil arrumar tudo se o argumento fosse mais uma das muitas inspirações shakespearianas que translada para Bruxelas a tragédia do casal de Verona e a disputa sentimento-territorial dos gangues nova-iorquinos. Todavia, mais do que o romance entre um meliante marroquino e uma meliante congolesa contrariado pela sua filiação em quadrilhas rivais, mais até do que a violência que os gangues de adolescentes exercem na capital belga aplicando os seus primários códigos de honra, da realização - infelizmente de maneira ligeira – subjaz o condicionamento grupal e o sexismo como elementos fundamentais da mentalidade de gangue. O que apesar de tudo é uma maneira estimulante de abordar um problema real, embora não dispense uma dose de condescendência.

Rui Monteiro

Por Rui Monteiro

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Classificação
18
Data de estreia
sexta-feira 19 agosto 2016
Duração
94 minutos

Elenco e equipa

Realização
Bilall Fallah
Argumento
Bilall Fallah
Elenco
Sanaa Alaoui
Martha Canga Antonio
Também poderá gostar