Capitão Fantástico

Filmes, Drama
3 /5 estrelas
Capitão Fantástico

A Time Out diz

3 /5 estrelas

Living off the grid has its pros and cons in a domestic drama touched by a wayward spirit

A morte da mãe acelerou tudo. O que parecia uma vida utópica, radicalmente afastada do mundo, porém feliz, tornou-se, pelo confronto com a realidade, pelo contacto com uma sociedade de consumo desbragado e ao mesmo tempo fascinante, pela oposição entre ideais e modos de vida, em drama desesperado num filme enternecedor, mas no qual o realizador é incapaz de dar o passo necessário até à diferença.  

O cenário é lindo. A habitação já nem tanto. Afinal, uma cabana nas montanhas, sem electricidade, portanto, sem internet ou rede de telemóvel ou sequer uma reles antena para uma televisão que também não há, será ideal para uma escapadinha, para hippies de férias e caminheiros perdidos, mas para viver com um rancho de filhos, por muitos livros que haja… Enfim. 
 
E no entanto é sonho realizado por Ben (Viggo Mortensen) e Leslie Cash (Trin Miller) com os seus cinco filhos, Bodevan (George MacKay), Kielyr (Samantha Isler), Vespyr (Annalise Basso), Rellian (Nicholas Hamilton), Zaja (Shree Crooks) e Nai (Charlie Shotwell). O filme de Matt Ross leva-nos a pensar no peso das ideias e como elas rapidamente se tornam um dogma, ou como a utopia amiúde se torna intolerância e tirania. 
 
Rui Monteiro

Por Rui Monteiro

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Data de estreia
terça-feira 6 setembro 2016
Duração
118 minutos

Elenco e equipa

Realização
Matt Ross
Argumento
Matt Ross
Elenco
Viggo Mortensen
Frank Langella
Kathryn Hahn
Steve Zahn
Também poderá gostar