Mulher-Maravilha

Filmes, Acção e aventura
Escolha dos críticos
1 /5 estrelas
Mulher-Maravilha

A Time Out diz

1 /5 estrelas

A personagem da Mulher-Maravilha nasceu durante
a II Guerra Mundial, e combateu pelos Aliados nos comics. Nesta adaptação ao cinema das aventuras da super-heroína da DC, preferiu-se pô-la a lutar na I Guerra Mundial. Mas no fundo tanto faz, porque o filme de Patty Jenkins (Monstro) sacrifica todo e qualquer realismo, sentido da História (com “h” maiúsculo) ou de recriação de época, situando-se num mundo que é uma versão de comic book, simplista, atabalhoada, primária e incongruente do nosso mundo.

Mulher-Maravilha é mais um blockbuster de super-heróis como tantos outros. O que interessa 
é esmagar o espectador pela imagem e pelo som, recorrendo ao arsenal de efeitos especiais para construir sequências de acção desmesuradas e estoira-tímpanos, que comungam da estética dos jogos de vídeo e transgridem todas as leis da física. É suposto ser “entretenimento”, mas na realidade é uma coisa repetitiva e entorpecente.

Gal Gadot empresta a cara bonita e as curvas de top model à Mulher- Maravilha, metida num uniforme mais púdico do que a da televisiva Lynda Carter.

Por Eurico de Barros

Por Eurico de Barros

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Classificação
12A
Data de estreia
sexta-feira 2 junho 2017
Duração
141 minutos

Elenco e equipa

Realização
Patty Jenkins
Argumento
Allan Heinberg
Elenco
Robin Wright
Gal Gadot
Chris Pine
David Thewlis
Também poderá gostar