Pedras Sombrias

Filmes, Terror
2 /5 estrelas
Pedras Sombrias

A Time Out diz

2 /5 estrelas

Passado na Itália dos anos 50 e adaptado de um livro do poeta e romancista italiano Silvio Raffo, Pedras Sombrias é uma 
história de atmosfera gótico-fantasmagórico-psicológica, que não satisfaz em qualquer desses registos. Emilia Clarke, de A Guerra dos Tronos, interpreta uma especialista em crianças traumatizadas que vai tratar de um rapazinho que deixou de falar após a súbita morte da mãe, uma famosa pianista clássica. O miúdo vive com o pai, que é escultor, e alguns criados, numa velha e isolada mansão na Toscânia. Uma vez lá chegada, a rapariga começa a suspeitar que o espectro da morta paira sobre a casa. Realizado com recurso a uma série de clichés do formato, desde o fantasma que não parecia sê-lo até às insistentes sugestões sobrenaturais na natureza e nos objectos, Pedras Sombrias revela-se um filme maçudo, previsível, frustrante e, finalmente, sentimentalão, que nem sequer tem um clímax digno desse nome.

Por Eurico de Barros

Por Eurico de Barros

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Classificação
15
Duração
94 minutos

Elenco e equipa