Rei Artur - A Lenda da Espada

Filmes, Acção e aventura
1 /5 estrelas
Rei Artur - A Lenda da Espada

A Time Out diz

1 /5 estrelas

O Rei Artur e os Cavaleiros da Távola Redonda já sofreram muitos tratos de 
polé no cinema, nomeadamente às mãos dos Monty Python em Monty Python e o Cálice Sagrado (1975). Mas será difícil maltratá- -los e abastardá-los mais, e à matéria arturiana em geral, do que Guy Ritchie faz em Rei Artur: A Lenda da Espada.

O realizador de Porcos e Diamantes pega em meia dúzia 
de elementos e de personagens da lenda e encaixa-os numa história de sword & sorcery descaradamente reminiscente de O Senhor dos Anéis, onde também há lugar para lutadores de kung fu e vikings, a “diversidade” é devidamente respeitada (um dos cavaleiros é negro) e os protagonistas falam todos como as personagens dos filmes de acção cockney do realizador (a certa altura, Artur dirige-se a um sujeito da seguinte forma: “Oi! You there, sunshine!”).

O canastrão Charlie Hunnam interpreta Artur, que nesta versão foi criado num bordel da Londres de então para não ser assassinado pelo seu cruel tio Vortigern (Jude Law), que lhe matou a família para ficar com o trono, e volta a Camelot para se vingar, depois de ter tirado Excalibur da pedra. Há muita magia, muita pancada e anacronismos a dar com um pau neste filme absurdo, previsto para ser o primeiro de seis.

Por Eurico de Barros

Por Eurico de Barros

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Classificação
12A
Data de estreia
sexta-feira 19 maio 2017
Duração
126 minutos

Elenco e equipa

Realização
Guy Ritchie
Argumento
Guy Ritchie, Joby Harold, Lionel Wigram
Elenco
Charlie Hunnam
Jude Law
Djimon Hounsou
Astrid Bergès-Frisbey