Get us in your inbox

Bebiana Rocha

Bebiana Rocha

Articles (3)

Como cuidar das m√£os na quarentena?

Como cuidar das m√£os na quarentena?

J√° passou mais de um m√™s desde que a pandemia nos obrigou a lavar e a desinfectar as m√£os constantemente. Se elas n√£o receberem tamb√©m um tratamento adequado de hidrata√ß√£o, √©¬†poss√≠vel que a pele e as unhas comecem a ficar secas e estragadas. Com o tempo a passar e a necessidade de nos cuidarmos a aumentar, fomos pedir a algumas pessoas e marcas as melhores dicas e produtos para come√ßar¬†a cuidar melhor das m√£os. Numa altura dif√≠cil como esta, os pequenos neg√≥cios s√£o os primeiros a sentir. Esta √© a altura certa¬†para aconselhar aquele amigo ou familiar a experimentar um¬†champ√ī s√≥lido, um desodorizante em barra, pasta dos dentes natural ou os sabonetes que aqui s√£o¬†sugeridos e que beneficiam n√£o s√≥ o ambiente e a nossa sa√ļde, mas tamb√©m as pequenas economias. ¬†

Dicas das melhores barbearias do Porto para esta quarentena

Dicas das melhores barbearias do Porto para esta quarentena

O estado de emergência obrigou as barbearias e outros serviços não essenciais a fechar as portas, mas a verdade é que os homens continuam a precisar de tratar das suas barbas e cabelos. A pensar nessa necessidade, falámos com alguns dos melhores barbeiros da Invicta e reunimos algumas dicas que podem ajudar nas próximas semanas. Sabia que pode usar sabão azul e óleo de amêndoas para higienizar e hidratar a barba? Conheça estes e outros truques e fique a saber como é que os barbeiros da cidade estão a lidar com este tempo de quarentena.  

Três sítios para comer leite-creme no Porto

Três sítios para comer leite-creme no Porto

Num restaurante √† moda portuguesa, o leite-creme fica sempre bem como sobremesa.¬†Seja em restaurantes¬†tradicionais ou requintados, s√£o muitos os que n√£o¬†dispensam este doce na ementa. A sua origem √© disputada por tr√™s pa√≠ses: Fran√ßa (cr√®me br√Ľl√©e), Inglaterra (burnt cream) e Espanha (crema catalana), mas sejamos sinceros, quem n√£o gosta de um bom leite-creme √† portuguesa? Consistente, cremoso, com canela ou a√ß√ļcar caramelizado... Ficam aqui tr√™s s√≠tios para comer leite-creme no Porto. Recomendado: Os melhores restaurantes de comida tradicional no Porto

News (64)

Livraria Lello oferece 6000‚ā¨ aos melhores contos da quarentena

Livraria Lello oferece 6000‚ā¨ aos melhores contos da quarentena

A Livraria Lello lan√ßou o concurso "Contos da Quarentena" para distinguir autores revela√ß√£o e incentivar a escrita durante o per√≠odo de isolamento. Os seis melhores contos¬†v√£o ganhar¬†um pr√©mio monet√°rio de mil euros cada um, e ver√£o os seus textos publicados pela livraria.¬†O concurso est√° aberto¬†at√© 31 de Maio. A iniciativa¬†tem como objectivo ‚Äúincentivar a produ√ß√£o de contos por escritores an√≥nimos portugueses e/ou estrangeiros, numa altura em que temos mais tempo para escrever‚ÄĚ. Os contos devem focar-se ‚Äúnas experi√™ncias de cada um durante o per√≠odo excepcional que vivemos devido¬†√† Covid-19‚ÄĚ e n√£o podem estar a ser usados noutros concursos com ‚Äúdecis√£o pendente‚ÄĚ. Ao todo ser√£o premiados seis contos. Cada¬†vencedor ter√° direito a um pr√©mio monet√°rio de mil euros e ter√° o seu texto¬†publicado¬†pela livraria portuense. Para participar, basta inscrever-se atrav√©s do seguinte formul√°rio. Est√° tamb√©m dispon√≠vel para consulta o regulamento do concurso, para ficar a conhecer mais sobre o j√ļri e outras informa√ß√Ķes, como o n√ļmero de p√°ginas. +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal +¬†As livrarias do Porto que entregam livros em casa Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa¬†newsletter¬†e receba as not√≠cias no email.

Hotel InterContinental distribui refei√ß√Ķes a pessoas sem-abrigo

Hotel InterContinental distribui refei√ß√Ķes a pessoas sem-abrigo

Em √©poca de pandemia e crise social, a¬†hospitalidade do Hotel InterContinental Porto¬†traduz-se numa ac√ß√£o solid√°ria em parceria com o Centro de Apoio ao Sem Abrigo (CASA). Numa fase em que h√° dificuldades por parte das associa√ß√Ķes em obter refei√ß√Ķes, a equipa de colaboradores do hotel do Pal√°cio das Cardosas decidiu prestar o seu contributo √† comunidade atrav√©s da confec√ß√£o de 150 refei√ß√Ķes semanais, ‚Äúpara que a institui√ß√£o as possa distribuir pela cidade‚ÄĚ, anunciam em comunicado. Est√° em simult√Ęneo a decorrer uma angaria√ß√£o de fundos, que pode consultar nas redes sociais do hotel, Restaurante Ast√≥ria e Bar das Cardosas.¬†Se quiser contribuir, pode faz√™-lo at√© ao dia 1 de Junho. O objectivo inicial √© de 600‚ā¨, no entanto, quanto mais fundos forem angariados, mais refei√ß√Ķes poder√£o ser confeccionadas, ‚Äúsem deixar ningu√©m para tr√°s‚ÄĚ.¬† +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal + Covid-19: Saiba como ajudar e pedir ajuda Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa¬†newsletter¬†e receba as not√≠cias no email.

Festival LeV vai dar uma volta online ao mundo em 80 viagens

Festival LeV vai dar uma volta online ao mundo em 80 viagens

A 14¬™ edi√ß√£o do LeV ‚Äď Literatura em Viagem¬†acontece de 13 a 17 de Maio em formato digital, sob o tema¬†‚ÄúVolta ao mundo em 80 viagens‚ÄĚ. Conta com¬†autores como Isabel Allende, H√©ctor Abad Faciolince e Jos√© Eduardo Agualusa. Marcam presen√ßa no evento autores de tr√™s continentes diferentes, fazendo com que esta seja uma das edi√ß√Ķes mais internacionais de sempre.¬†Entre os¬†nomes j√° anunciados est√£o os portugueses Alexandre Quintanilha, Ana Lu√≠sa Amaral, David Machado, Gon√ßalo M. Tavares, Joana Amaral Dias, Jos√© Lu√≠s Peixoto, Matilde Campilho¬†e Pedro Abrunhosa, a escritora chilena Isabel Allende, os angolanos Jos√© Eduardo Agualusa e Ondjaki, H√©ctor Abad Faciolince da Col√īmbia, a jornalista do El Pa√≠s Rosa Montero, Carmen Posadas e Juan Gabriel V√°squez. Os autores ser√£o desafiados ‚Äúa falar dos livros que os fazem ou fizeram viajar, bem como as viagens que mais os marcaram nas suas carreiras‚ÄĚ. Pode acompanhar os streamings atrav√©s das p√°ginas de Facebook da C√Ęmara de Matosinhos e da Biblioteca Florbela Espanca. A iniciativa conta ainda com o apoio de diversas p√°ginas ligadas √† divulga√ß√£o de livros e da leitura, assim como livrarias. Este formato digital vai¬†permitir que o LeV¬†chegue a ‚Äútodos quantos amem a literatura e a cultura, estejam onde estiverem‚ÄĚ, diz¬†Lu√≠sa Salgueiro, presidente da C√Ęmara de Matosinhos, na p√°gina oficial do munic√≠pio. ‚ÄúNestes dias de grande incerteza, em que nos focamos na sa√ļde dos mais fr√°geis, na alimenta√ß√£o dos mais desfavorecidos, n√£o podemos esquecer que o

Postais ilustrados mostram o Porto de antigamente

Postais ilustrados mostram o Porto de antigamente

"Porto. Postais ilustrados antigos nas colec√ß√Ķes da BPMP"¬†√© um¬†acervo documental, dispon√≠vel online, com¬†mais de 700 postais¬†que mostram como eram as ruas, mercados e jardins da Invicta¬†desde o final do s√©culo XIX. Segundo a p√°gina da autarquia, este √© ‚Äúum dos mais relevantes fundos documentais da Biblioteca P√ļblica Municipal do Porto‚ÄĚ e re√ļne documentos digitalizados e disponibilizados pelos servi√ßos municipais da cultura. O objectivo √© n√£o s√≥ preservar estes conte√ļdos √ļnicos, mas tamb√©m permitir passar melhor o tempo nesta quarentena. O¬†acervo inclui postais ‚Äúanteriores √† Implanta√ß√£o da Rep√ļblica e abrange a √©poca √°urea da edi√ß√£o e circula√ß√£o do bilhete-postal ilustrado em Portugal‚ÄĚ, per√≠odo compreendido entre 1898-1940. Alguns dos exemplares s√£o raros, outros¬†mais recentes, que foram inclu√≠dos pelo seu interesse para a hist√≥ria da cidade, como os azulejos do claustro da Biblioteca P√ļblica Municipal do Porto. Vai poder conhecer os espa√ßos, costumes, a vida econ√≥mica, social e cultural do Porto de antigamente. H√° vistas panor√Ęmicas, azulejos, est√°tuas, cemit√©rios, lagos e fontes, fotografias da Foz, dos edif√≠cios, ruas e jardins. Mostra tamb√©m como eram os transportes, os divertimentos e a publicidade da altura. As imagens s√£o da autoria de fot√≥grafos an√≥nimos¬†e conceituados, como Aur√©lio Paz dos Reis e Domingos Alv√£o, ou ainda de artistas pl√°sticos como Amadeo de Souza-Cardoso. +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal + Centro de Recolha de Animais j√° funciona

A nova cerveja da Nortada vai ajudar a Cruz Vermelha

A nova cerveja da Nortada vai ajudar a Cruz Vermelha

O m√™s de Abril estava destinado a festejar o terceiro anivers√°rio da Nortada, mas ‚Äúalgo maior surgiu‚ÄĚ e¬†a marca portuense decidiu¬†lan√ßar a "Obrigado", uma cerveja que homenageia todos os her√≥is que est√£o na linha da frente no combate¬†√† Covid-19. A¬†nova cerveja artesanal New England IPA √© de ‚Äúcorpo m√©dio-baixo, sedosa e de apar√™ncia turva‚ÄĚ, descrevem em comunicado. Apresenta ainda um aroma a ‚Äúfrutos tropicais e um amargor muito equilibrado‚ÄĚ. A edi√ß√£o especial¬†est√° dispon√≠vel em packs de dez cervejas a 20‚ā¨. Pode ser comprada exclusivamente na plataforma Dott e as receitas revertem na totalidade para a Cruz Vermelha Portuguesa. Segundo Diogo Guerner, director de marketing e vendas da Cerveja Nortada, o objectivo √© ajudar a Cruz Vermelha ‚Äúa ter mais recursos para enfrentar este combate‚ÄĚ. No in√≠cio do ano, a Nortada comprometeu-se a lan√ßar uma nova cerveja por m√™s e a convidar um artista diferente para criar cada um dos r√≥tulos. A campanha 12 Meses, 12 Cervejas¬†come√ßou logo em Janeiro com a Blueberry Storm, seguindo-se a Milky Circus e a Irish Gig. Esta quarta cerveja ‚Äúj√° estava em produ√ß√£o‚ÄĚ quando tiveram de ‚Äúencerrar a f√°brica e enviar toda a equipa para casa‚ÄĚ, lembra Diogo Guerner. Nos pr√≥ximos tempos pode tamb√©m acompanhar no Facebook¬†da Nortada¬†as "Quarantine Sessions", ‚Äúum espa√ßo para promo√ß√£o de novos talentos, com actua√ß√Ķes a partir de casa‚ÄĚ. +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal + Nortada entrega cerveja artesanal com descontos + Os melhores bares de cerve

Jardim Bot√Ęnico do Porto premiado pelas suas cam√©lias

Jardim Bot√Ęnico do Porto premiado pelas suas cam√©lias

O¬†Jardim Bot√Ęnico do Porto recebeu o¬†galard√£o "International Camellia Garden of Excellence"¬†pelas suas 750 cam√©lias. O pr√©mio foi atribu√≠do esta segunda-feira, pela International Camellia Society, segundo avan√ßa o site do munic√≠pio. A candidatura foi apresentada pela direc√ß√£o do Jardim Bot√Ęnico da Universidade do Porto, conjuntamente com a Associa√ß√£o Portuguesa de Cam√©lias.¬†Foi posteriormente avaliada por um j√ļri internacional, composto por 28 nacionalidades, que ‚Äúdecidiu por unanimidade entregar o pr√©mio ao Jardim Bot√Ęnico do Porto‚ÄĚ. ¬†Um dos dez crit√©rios, e mais dif√≠ceis, segundo Eduarda Paz, era ter no m√≠nimo 200 variedades cultivadas e diferentes esp√©cies. A bi√≥loga e presidente da Associa√ß√£o Portuguesa de Cam√©lias diz tamb√©m que algumas das esp√©cies est√£o amea√ßadas, sendo a planta√ß√£o ‚Äúuma forma de promover a biodiversidade e prevenir a sua extin√ß√£o". Acrescenta ainda, em declara√ß√Ķes ao Jornal de Noticias, que a cam√©lia ‚Äú√© das plantas mais resistentes".¬†Mesmo sendo uma planta ex√≥tica em Portugal, √© uma excelente op√ß√£o para plantar no seu jardim ou colocar num vaso na varanda, exigindo poucos cuidados. H√° ainda quem a use para fazer ch√°, nomeadamente a Camellia Jap√≥nica e a¬†Camellia Sasanqua.¬†‚ÄúN√£o tem flores vistosas nem ornamentais. D√° um arbusto muito bonito e uma flor singela com p√©talas brancas. Mas as suas primeiras tr√™s folhas, se as secarmos, podemos fazer ch√°‚ÄĚ, conclui. Al√©m do Jardim Bot√Ęnico, existem mais tr√™s jardins distinguidos em Portugal: o Parque da Pena, e

CookerPan: a nova aplicação onde chefs amadores podem publicar os seus pratos

CookerPan: a nova aplicação onde chefs amadores podem publicar os seus pratos

H√° uma nova aplica√ß√£o a pensar nos foodies e cozinheiros espalhados pelo pa√≠s. Chama-se CookerPan e pretende ser o ponto de contacto entre chefs amadores e pessoas que procuram pratos com um toque caseiro. A aplica√ß√£o est√° dispon√≠vel desde 1 de Abril e conta j√° com 40 cozinheiros inscritos, oito deles na zona do Porto. Prev√™ chegar ao final do ano com 7500 a 10.000 utilizadores, se mantiverem o ritmo de crescimento, diz F√°bio Carreto.¬†O¬†membro da equipa conta-nos que tudo come√ßou numa tert√ļlia de amigos, onde deram conta que ‚Äúnos restaurantes j√° n√£o se encontrava aquela comida com o sabor da comida da av√≥‚ÄĚ. Cruzavam-se tamb√©m muitas vezes no Instagram com contas de comida que enchiam o olho e come√ßaram a pensar numa aplica√ß√£o¬†que pudesse juntar¬†os dois mundos. A ideia foi apresentada pela primeira vez em 2018, na Web Summit, em Lisboa, e desde a√≠ n√£o pararam de a melhorar. Segundo F√°bio Carreto, as maiores dificuldades prenderam-se com as funcionalidades, uma vez que era preciso perceber muito bem quais eram as que interessavam mais aos cozinheiros e clientes. Descreve ainda este aplicativo como ‚Äúum mercado digital‚ÄĚ e n√£o tanto como ‚Äúuma aplica√ß√£o de entrega de comida‚ÄĚ, real√ßando que actuam apenas como ‚Äúponto de encontro entre as partes‚ÄĚ, n√£o havendo qualquer responsabilidade por ‚Äúentregas erradas ou atrasadas, m√° acomoda√ß√£o ou outro problema‚ÄĚ. A √ļnica forma de controlo que t√™m √© atrav√©s das avalia√ß√Ķes: ‚Äúm√°s avalia√ß√Ķes implicam exclus√£o da plataforma, as boas avalia√ß√Ķes signi

Teatro Nacional S√£o Jo√£o tem novas actividades para todas as idades

Teatro Nacional S√£o Jo√£o tem novas actividades para todas as idades

At√© 3 de Maio, o Teatro Nacional S√£o Jo√£o oferece masterclasses, leituras e espect√°culos online, que pode acompanhar atrav√©s do site e redes sociais. O objectivo √© manter viva a actividade teatral em tempo de confinamento. Entre ter√ßa e quinta-feira, sempre √†s 18.00, o director art√≠stico Nuno Cardoso¬†e o elenco "quase residente" re√ļnem-se virtualmente para uma masterclass sobre a "Hist√≥ria Universal do Teatro em tr√™s zooms".¬† H√° tamb√©m leituras de quarentena, entre elas a da obra Decameron, de Giovanni Baccacio, para acompanhar at√© quinta-feira, √†s 22.00. Durante esta semana ser√£o contadas ‚Äúas hist√≥rias de sete mulheres e tr√™s homens durante a peste negra‚ÄĚ por Afonso Santos, Rodrigo Santos, M√°rio Santos, Jo√£o Melo, Joana Carvalho e Maria Leite, para espantar a solid√£o e o medo e celebrar a vida. A pensar nos mais novos, o Centro Educativo do TNSJ escolheu o livro Como Tu, da poeta e tradutora Ana Lu√≠sa Amaral. A leitura acontece esta quarta-feira pelas 15.00 e est√° sujeita a inscri√ß√£o. √Č um convite aos mais jovens ‚Äúpara viajarem pela vida, educa√ß√£o ambiental, cidadania e sexualidade‚ÄĚ. Por fim, de sexta at√© domingo estar√° dispon√≠vel Otelo, a segunda incurs√£o de Nuno Carinhas no universo de William Shakespeare, com m√ļsica de Pedro Filipe Marques. +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal + Nuno Cardoso orienta masterclass online sobre a hist√≥ria do teatro¬† + Livraria Lello oferece 6000‚ā¨ aos melhores contos da quarentena Fique a par do que acontece na sua cidade. Sub

Livraria Lello oferece 6000‚ā¨ aos melhores contos da quarentena

Livraria Lello oferece 6000‚ā¨ aos melhores contos da quarentena

A Livraria Lello lan√ßou o concurso "Contos da Quarentena" para distinguir autores revela√ß√£o e incentivar a escrita durante o per√≠odo de isolamento. Os seis melhores contos¬†v√£o ganhar¬†um pr√©mio monet√°rio de mil euros cada um, e ver√£o os seus textos publicados pela livraria.¬†O concurso est√° aberto¬†at√© 31 de Maio. A iniciativa¬†tem como objectivo ‚Äúincentivar a produ√ß√£o de contos por escritores an√≥nimos portugueses e/ou estrangeiros, numa altura em que temos mais tempo para escrever‚ÄĚ. Os contos devem focar-se ‚Äúnas experi√™ncias de cada um durante o per√≠odo excepcional que vivemos devido¬†√† Covid-19‚ÄĚ e n√£o podem estar a ser usados noutros concursos com ‚Äúdecis√£o pendente‚ÄĚ. Ao todo ser√£o premiados seis contos. Cada¬†vencedor ter√° direito a um pr√©mio monet√°rio de mil euros e ter√° o seu texto¬†publicado¬†pela livraria portuense. Para participar, basta inscrever-se atrav√©s do seguinte formul√°rio. Est√° tamb√©m dispon√≠vel para consulta o regulamento do concurso, para ficar a conhecer mais sobre o j√ļri e outras informa√ß√Ķes, como o n√ļmero de p√°ginas. Por c√°, aproveite os portes gr√°tis destas livrarias independentes para manter o h√°bito de leitura em casa.¬† ¬† +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa¬†newsletter¬†e receba as not√≠cias no email.

Três séries para aprender mais sobre a natureza

Três séries para aprender mais sobre a natureza

Para levar a natureza a casa dos portuenses, a equipa municipal de educa√ß√£o ambiental do Porto vai lan√ßar um programa composto por tr√™s s√©ries dedicadas √† biodiversidade, que estar√£o dispon√≠veis no YouTube da autarquia. A iniciativa¬†reflecte o conhecimento de uma equipa vasta de educadores, assistentes sociais, artistas e bi√≥logos que trabalham anualmente com v√°rias pessoas ‚Äúnas hortas pedag√≥gicas, espa√ßos verdes, oficinas permanentes e actividades nas escolas‚ÄĚ, espalhadas pela cidade. Como a equipa est√° em regime de teletrabalho, cada programa ser√° gravado a partir de casa. A primeira s√©rie chama-se De bin√≥culos no sof√° e d√° a conhecer ‚Äúuma ave, uma √°rvore, um anf√≠bio, um r√©ptil, uma planta, um mam√≠fero e um insecto‚ÄĚ. Sabia, por exemplo, que um abelh√£o¬†pode polinizar v√°rias plantas por causa da frequ√™ncia do seu zumbido forte? Nos pr√≥ximos epis√≥dios vai poder saber outras¬†curiosidades sobre o carvalho¬†ou o melro. Cada programa tem a dura√ß√£o de aproximadamente tr√™s minutos. A segunda s√©rie,¬†Hist√≥rias com ambiente dentro, foi pensada sobretudo para as crian√ßas e fam√≠lias e no final do epis√≥dio h√° desafios para os mais novos. O primeiro v√≠deo a ser lan√ßado,¬†O psic√≥logo dos oceanos, √© um conto original de Ana Lu√≠sa Coutinho e Lu√≠s Monteiro, que integram a equipa de educa√ß√£o ambiental do munic√≠pio. A partir de agora, todas as sextas-feiras h√° uma hist√≥ria nova para espreitar. J√° a terceira s√©rie, Biodiversidade em casa, estreia-se dia 23 de Abril e √© uma esp√©cie de oficina dentro

Rui Veloso é o próximo convidado no podcast 'Ligados pelo Vinho'

Rui Veloso é o próximo convidado no podcast 'Ligados pelo Vinho'

√Ä semelhan√ßa do que tem acontecido noutras √°reas, o sector vin√≠cola tem-se adaptado aos novos tempos e promovido iniciativas digitais. Esta quinta-feira, o podcast Ligados pelo Vinho, da Quinta Vale Dona Maria, est√° de volta e tem como convidado especial o cantor Rui Veloso. Em comunicado, a marca anunciou uma ‚Äúconversa descontra√≠da‚ÄĚ entre o en√≥logo Cristiano Van Zeller e o seu ‚Äúamigo de longa data‚ÄĚ Rui Veloso. Aqui ser√£o partilhados ‚Äúmomentos que atravessam o tempo, testemunhos de uma grande amizade‚ÄĚ, onde o ‚Äúvinho e a m√ļsica estiveram sempre presentes‚ÄĚ. O objectivo deste podcast √© mostrar que o vinho pode ser ‚Äúo elo de liga√ß√£o entre pessoas e hist√≥rias‚ÄĚ.¬†O primeiro epis√≥dio foi um ‚Äúregresso √†s origens‚ÄĚ com Dirk Niepoort e Cristiano Van Zeller, no qual falaram¬†sobre as suas fam√≠lias, a forma como criaram ra√≠zes na regi√£o e ‚Äúdesenvolveram a sua paix√£o pelo vinho e pelo Douro‚ÄĚ. Para acompanhar, basta passar no Spotify pelas 19.00. H√° um link de acesso¬†a pensar em quem n√£o tem conta. A Quinta Vale Dona Maria fica no vale do rio Torto, regi√£o do Douro, e data¬†de 1868. Desde 1996 que se dedica √† produ√ß√£o de vinhos DOC e vinhos do Porto, sempre respeitando as origens e praticando uma viticultura sustent√°vel. Integra tamb√©m o grupo Aveleda desde 2017. +¬†Leia aqui a edi√ß√£o desta semana da Time In Portugal + 12 garrafeiras com entrega de vinho ao domic√≠lio¬† + Empresas de vinho do Porto produzem gel desinfetante Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa¬†newsletter¬†e

Há novos filmes para ver na Quarentena Cinéfila da Medeia

Há novos filmes para ver na Quarentena Cinéfila da Medeia

Nova semana, novos filmes para ver no site da Medeia. Desta vez, a Quarentena Cin√©fila¬†oferece¬†filmes franceses da d√©cada de 1950, come√ßando esta ter√ßa-feira com Jean Renoir, um dos grandes nomes da s√©tima arte. O filme chama-se French Cancan e √© de 1954. Para quem conhece o filme Moulin Rouge (1952), de John Huston, vai sentir que a compara√ß√£o √© inevit√°vel, mas, segundo o jornal The Guardian, existem certas diferen√ßas em termos de tom e tamb√©m inten√ß√Ķes. O filme de Huston √© uma biografia de Toulouse-Lautrec, essencialmente uma hist√≥ria tr√°gica, enquanto Cancan¬†√© um relato rom√Ęntico, sentimental e, em grande parte, ficcional. Segue-se¬†na quinta 23¬†Aquela Loura, um drama assinado por Jacques Becker. Este filme √© uma reconstitui√ß√£o da Belle √Čpoque, per√≠odo de grande optimismo na hist√≥ria da Europa, que durou desde 1871 at√© √† eclos√£o da Primeira Guerra Mundial, em 1914. Conta o percurso tr√°gico de Marie, uma prostituta apanhada pelos ci√ļmes de Roland, um criminoso, e de Georges, carpinteiro por quem est√° apaixonada. Est√° dispon√≠vel at√© dia 25 de Abril, √†s 12 horas. Veneno,¬†da autoria de Sacha Guitry,¬†√© a √ļltima sugest√£o para a semana, para ver at√© ao dia 28. Esta com√©dia conta a hist√≥ria de um marido que, ‚Äúatormentado pela mulher, decide livrar-se dela‚ÄĚ. Ent√£o, planeia um assassinato e faz do seu advogado c√ļmplice. Para saber mais detalhes, pode consultar a folha de sala. + Cinemateca refor√ßa programa√ß√£o online com filmes portugueses em streaming + Conversas, v√≠deo mapping e con